/ Semente de linho: contra-indicações, qualidades úteis e aplicação

Semente de linho: contra-indicações, qualidades úteis e aplicação

A medicina tradicional há muito tempo usa a sementelinho para o tratamento de várias doenças. A popularidade desta ferramenta adquiriu através da coleção de substâncias úteis que ela contém. Desde o tempo de Hipócrates começou a usar para doenças da semente de linho de estômago. Contra-indicações para o uso desta planta naquela época não foram cuidadosamente estudadas. Hoje, a planta é amplamente utilizada para o tratamento e prevenção de várias doenças. Os benefícios e danos da semente de linho foram gradualmente identificados por especialistas. Portanto, hoje podemos aplicar corretamente um medicamento natural útil e natural.

Propriedades úteis e composição da semente de linho

Esta cultura tem vários efeitos benéficos no corpo humano:

  • antibacteriano;
  • imunoestimulante;
  • amolecimento;
  • Limpeza;
  • bactericida;
  • envolvente;
  • antivírus.

contra-indicações de semente de linho

Apesar de um grande número de ações favoráveis, você pode se machucar usando semente de linho. Contra-indicações serão listadas abaixo.

O complexo de substâncias valiosas garante a eficácia da medicina natural. A composição das sementes de linho inclui os seguintes componentes:

  • Ácidos graxos poliinsaturados, mais comumente conhecidos como Ômega 3, 6 e 9. Eles são responsáveis ​​pelo correto equilíbrio de substâncias necessárias para a atividade humana normal.
  • Aminoácidos. Eles têm alto valor nutricional.
  • Fibra vegetal. Tem um efeito benéfico na imunidade humana e é a prevenção do câncer.
  • Polissacarídeos Estes compostos dão um efeito bactericida e envolvente.
  • Lignans. Eles se referem a antioxidantes, que impedem o desenvolvimento de câncer.
  • Vitaminas: A, E, B, F. Devido ao seu conteúdo, o linho (sementes) é amplamente utilizado. O aplicativo eles encontraram em vários cosméticos.
  • Selênio Este elemento impede a formação de tumores, melhora a visão, estimula a atividade cerebral.
  • Lecitina

Benefício e dano da semente de linho

Quais as doenças que as sementes de linho usam?

A planta é usada para tratar:

  • doenças estomacais;
  • dermatite;
  • doenças do sistema cardiovascular;
  • oncologia;
  • doenças respiratórias;
  • diabetes mellitus;
  • doenças do sistema endócrino;
  • doenças do sistema digestivo;
  • doenças inflamatórias.

As sementes de linho são usadas para nutrição dietética. Hoje, existem muitas receitas para perda de peso com o uso desta planta.

Para o tratamento, as sementes são utilizadas cruas (inteiras ou picadas). Prepare a partir deles caldos, chás, tinturas. E também aplicar externamente o pó e o óleo da planta.

aplicação de semente de linho

Semente de linho: contra-indicações

  • Se uma pessoa experimenta sensações desagradáveis ​​na área do fígado, você deve usar semente de linho em doses muito pequenas.
  • Contra-indicações para tomar medicação existem no caso em que uma pessoa está doente com colecistite.
  • Pedras na vesícula biliar e nos rins também são uma contra-indicação, já que a semente de linho é capaz de removê-las do corpo, e isso é perigoso sem a supervisão de um médico.
  • Em processos inflamatórios do estômago e intestinos, o uso de semente de linho não é recomendado.
  • Não o use para mulheres grávidas e lactantes.
  • Se reações alérgicas são detectadas, é necessário parar de usar sementes de linho.

Também não é recomendado o uso da droga quandodiabetes, doença da tiróide, asma, coagulação sanguínea deficiente, miomas uterinos e prostatite. Antes de aplicar a semente de linho, você deve sempre consultar um médico.

</ p>>
Leia mais: